132 praias no litoral nordestino são atingidas por mancha de óleo

0
12

Nesta quinta-feira (03), Projeto tamar decide por não soltar filhos de tartaruga marinha no mar

Nesta segunda-feira (07), o Engenheiro de Pesca, César Coelho, do conhecido Projeto Tamar confirma a suspensão da soltura dos pequenos filhotes de tartarugas marinhas nas praias do Litoral Norte da Bahia. A decisão foi tomada devido às manchas de óleo que apareceram no estado.

De acordo com Coelho, as praias dos municípios de Conde e Jandaíra foram as mais afetadas. Registros informam que as manchas chegaram na última semana do dia três (03). 

Para o Engenheiro, a escolha de não soltar os pequenos filhotes ao mar, se dá por não saberem o real do comportamento do óleo. Se porventura os pequenos entrassem em contato com ele, levaria-os a morte por sua vulnerabilidade. Coelho afirma que medidas de proteção foram pensadas para a segurança dos animais, e que continuarão até que os pesquisadores saibam o que de fato ocorreu.

Uma das grandes preocupações da equipe do projeto está voltada aos ninhos que ficam afastados da praia. Visto que ao nascerem, os filhotes vão direto ao mar. Mas Coelho afirma “A gente não mexe nos ninhos, mas estamos monitorando”.

Para Coelho, não podemos descartar a possibilidade de mortes causadas pelo óleo. O Projeto segue esperançoso e investigando os impactos registrados até o determinado momento. A lista completa de municípios e praias atingidos está disponível no site do Ibama.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here